terça-feira, 12 de abril de 2011

Cientistas lutam contra flatulência e arrotos de gados


O gás metano é um dos principais causadores do efeito estufa, sendo que animais ruminantes como vacas e ovelhas são responsáveis por grande parte desta emissão, a partir de flatulência e arrotos. Este fato é conhecido há muito tempo e se deve à grande extensão da atividade pecuária no mundo inteiro. No Brasil, por exemplo, existem mais cabeças de gado do que pessoas.

Com o objetivo de reduzir a emissão, cientistas britânicos estão desenvolvendo uma ração que reduz drasticamente a taxa de metano nos gases expelidos por estes animais. Eles estão manipulando a proporção de milho e outros ingredientes na ração. O governo britânico está esperançoso com os estudos, entretanto é necessário averiguar se realmente haverá redução na quantidade de metano por litro de leite produzido.

Na Nova Zelândia, 90% do metano lançado na atmosfera vem do sistema digestivo de gados e ovelhas, sendo que este número implica em 43% da emissão mundial! Pesquisadores do País de Gales sugeriram outra solução: criar o gado em enormes galpões, assim o metano dos "puns" poderia ser capturado e usado como combustível pelos fazendeiros.

Um amigo meu é vegetariano porque sabe de todos estes impactos, além do enorme volume de água gasto na criação do gado e os impactos da carne vermelha na saúde. Só espero não me lembrar da flatulência de ruminantes na próxima vez que for a uma churrascaria.

Referência: BBC Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...