domingo, 11 de setembro de 2011

Experimento consegue impedir pessoas de mentirem

Cientistas da Estônia realizaram um experimento para mostrar que é possível influenciar a atividade cerebral por meio de ondas magnéticas. Voluntários foram submetidos a campos magnéticos por ímãs posicionados em diferentes locais ao redor da cabeça. Quando deveriam  responder a algumas perguntas simples, com a possibilidade de mentir, a pessoas que estavam sob influência dos ímãs só disseram a verdade, enquanto as outras conseguiram mentir.

Segundo os cientistas, este experimento mostra que as escolhas "morais" entre certo e errado não dependem apenas das experiências pessoais, mas também de fatores físicos e biológicos. No caso deste experimento, os ímãs foram colocados no lado direito do "córtex frontal dorsolateral". Pesquisas parecidas já comprovaram que também é possível obter o efeito contrário, bagunçando a bússola moral e conferindo mais predisposição para os voluntários mentirem.

Seria possível utilizar uma tecnologia como essa em tribunais e interrogatórios? Se os experimentos continuarem dando resultado - já deu pra ver que são melhores do que detectores de mentira - daqui a pouco a discussão vai ser sobre a moralidade de forçar alguém a dizer apenas a verdade.

Referência: DailyMail

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...