segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Aquecimento global reduz a produtividade no trabalho

Um estudo divulgado recentemente na publicação científica "Nature Climate Change" leva a crer que a redução na produtividade do trabalho pode estar associada ao aumento da temperatura global. As pesquisas sugerem que a produtividade já caiu cerca de 10%  para trabalhadores que estão sujeitos a ambientes externos de grande variação climática, a exemplo de profissionais da construção civil, agricultura e das forças armadas, os quais são obrigados a tolerar o sol quente e resistir ao calor. As bases de comparação são registros históricos de temperaturas de períodos anteriores à revolução industrial, no século XIX.

Caso a temperatura aumentar de acordo com as projeções científicas, os cientistas dizem que os níveis de produtividade podem cair mais 10% até 2050. Apesar se o estudo se referir especificamente aos trabalhadores mencionados acima, o mesmo raciocínio é aplicável a qualquer pessoa que esteja exposta a altas temperaturas ou grandes variações climáticas durante o trabalho. A exemplo de quem trabalha na cozinha de um restaurante, ou até mesmo um carteiro.

Talvez aquela "desculpa" para não trabalhar não era tão fraca assim...

Referência: G1



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...