quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Café aumenta a percepção de palavras positivas, diz estudo

Muita gente não consegue iniciar as atividades diárias antes de uma bela dose de café. E uma pesquisa publicada no jornal PLoS One faz o cheiro e o gosto do café ficarem ainda mais gostosos. Os cientistas contaram com a participação de 66 voluntários, a metade recebeu uma bala contendo cafeína equivalente a três xícaras de café, enquanto o outro grupo ganhou uma pastilha de açúcar. Após trinta minutos, mostraram aos participantes sequências de letras bagunçadas. O grupo da cafeína reconheceu as palavras positivas bem mais rápido que as outras pessoas, entretanto o mesmo não ocorreu para expressões negativas e neutras.

O experimento é bem simples, mas comprova que as pessoas tendem perceber primeiro o que há de positivo durante a leitura, ao assistir um filme ou mesmo ao conversar com alguém. E o papel do café, no caso, é estimular ainda mais esta tendência.


Enquanto o café serve como um estímulo matinal para alguns, é combustível para outros. A exemplo do Verflucht do Protelando, quando o perguntei quantas xícaras de café consome por dia, ele respondeu em litros.


Referência: Scientific American

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

E=mc²: equação mais famosa do mundo pode falhar no espaço

A equação mais famosa do mundo, conhecida até mesmo por quem não entende nada de física, pode falhar no espaço. Para início de conversa, os termos envolvidos na equação são: E, energia; m, massa; e c, a constante que representa a velocidade da luz no vácuo, resultando em uma das mais importantes relações da ciência: E=mc².

Toda a polêmica começou com o físico Andrei Lebed, que parte do conceito de massa. A massa pode ser tratada como inercial - inerente a um corpo independente de onde está, e gravitacional - a qual é definida pelo campo gravitacional gerado por um outro corpo. Até então, pressupõe-se que o valor é igual e não haveria diferenciação nos cálculos.

Mas Andrei Lebed afirma que em uma região livre de campos gravitacionais, ou onde há valores muito pequenos, não há distorção no espaço e este é praticamente plano. Isso traz implicações a nível atômico: o elétron não salta para as camadas superiores da mesma forma com que faz em uma região de campo gravitacional. Assim, a massa inercial passa a não ter o mesmo valor que a gravitacional, o que derruba a equação E=mc² nas regiões de espaço plano. Não vou entrar em mais detalhes pois não sou especialista em física. Caso algum leitor saiba mais sobre os assuntos abordados aqui, sinta-se à vontade para me corrigir ou completar nos comentários!

A parte mais interessante de tudo isso é que a afirmação pode ser testada experimentalmente. Uma nave transportando átomos de hidrogênio a uma distância de duas a três vezes o raio da Terra seria suficiente. Você acha que Albert Einstein estava enganado?

Referência:  Inovação Tecnológica

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Tempestade Solar pode causar prejuízo de 2 trilhões de dólares mundo afora, alertam cientistas


A comunidade científica sempre observa com atenção as atividades solares. Sabe-se bastante sobre a "previsão do tempo" na superfície do Sol, inclusive que há um ciclo de atividades que dura aproximadamente 11 anos, o pico do atual ciclo ocorrerá em 2013.

O que começará com uma gigante explosão a 8 minutos-luz da Terra pode se propagar na forma de energia e atingir o nosso planeta em cheio, causando uma série de danos a aparelhos eletrônicos e instalações elétricas, queimando transformadores, telefones celulares, computadores e satélites, espalhando o caos e um cenário que pode demorar anos e, muito, muito dinheiro para ser reconstruído. Pessoas viajando em aviões a grandes altitudes também podem correr alguns riscos, assim como astronautas no espaço e na estação internacional.

Tudo se trata de uma hipótese, mas a qual não deve ser ignorada. Apesar de saberem muitas coisas sobre o Sol, os cientistas desconhecem grande parte dos fatores que podem provocar um evento desta magnitude. Em 1958, uma onda de energia similar atingiu os Estados Unidos e derrubou a comunicação por rádio em todo o país.

Talvez se esta previsão fosse feita há um século, não estaríamos tão preocupados. Mas em um mundo já dependente dos aparelhos eletrônicos, isso seria catastrófico. E pode não haver nem mesmo TV para noticiar.

Referência: Fox News

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Piscar os olhos dá uma pausa ao cérebro

Talvez você já tenha parado para pensar: nós piscamos muito, de 15 a 20 vezes por minutos. Até então, atribui-se apenas a tarefa de lubrificar os olhos para estes movimentos das pálpebras. Mas cientistas japoneses descobriram que este simples gesto, quando involuntário, pode representar muito mais. Afinal, piscar 3 ou 4 vezes por minuto já seria suficiente para lubrificar o globo ocular.

Por meio de um experimento, no qual voluntários assistiam um episódio de "Mr. Bean", os cientistas mediram a dilatação da pupila e a atividade cerebral das pessoas por 30 minutos. Descobriu-se que o ato de piscar está relacionado com a alternância entre modos no cérebro: você de repente para de prestar atenção em algo para voltar-se aos próprios pensamentos, no modo em que a imaginação sobrepõe a visão. Você se preocupa com pequenas resoluções pessoais, dando um tempo para o cérebro e desviando a atenção da 'tarefa' principal. Então, ao piscar novamente, a atenção retorna.

Tudo isso não ocorre de forma mecânica e, às vezes, esta mudança pode ocorrer em frações de segundo. De toda forma, é um prato cheio para quem gosta de ler os gestos de alguém. Talvez piscar demais signifique que alguém está cheio de preocupações, enquanto "ficar de olhos arregalados e nem piscar", como é da sabedoria popular, mostra total atenção.

Referência: NBC News


sábado, 5 de janeiro de 2013

Conselhos para NÃO seguir em 2013

Para o primeiro post de 2013, uma proposta inusitada feita com um apanhado de pesquisas científicas ao redor do mundo. Quando um novo ano começa, é natural que todos façamos nossas promessas por uma vida melhor, seja na profissão, no amor ou na saúde. E os conselhos que ouvimos se repetem: "Trabalhe com o que ama", "Pense positivo", "Ache sua alma gêmea" e por aí vai.

A ideia para este post veio de uma matéria da revista Super Interessante deste mês, vou discutir alguns destes conselhos que você NÃO deve seguir:

1 -  Faça várias resoluções de ano novo
Quem dera se pudéssemos simplesmente despender nossos esforços instantaneamente e realizar tudo que costumamos prometer no ano novo. Segundo estudos sociais, o melhor é fazer uma promessa de cada vez e começar a pôr em prática. Exigir demais da nossa boa vontade causa o efeito contrário: preguiça.

2 - Procure sua alma gêmea
Esta ideia de alma gêmea é muito antiga e sua origem está nos textos filosóficos gregos. Segundo a mitologia,  haviam apenas seres humanos com ambos os sexos e 4 membros. Mas os deuses separaram estes seres em homens e mulheres e, assim, afastaram estas almas gêmeas. É um mito, nada mais. Ao invés de sair procurando, faça o contrário: primeiro goste de verdade de alguém, depois diga que é sua alma gêmea.

3 - Escolha uma profissão que você ame
Uma outra ideia que está impregnada na sociedade e que atrapalha a vida de muita gente. As pessoas idealizam demais as profissões e o trabalho e isso sim acaba gerando decepção e descontentamento. Muita gente até desiste precocemente do caminho que escolheu porque se decepcionou ao descobrir que não é mil maravilhas. A escolha da profissão deve ser baseada em vários aspectos, a começar, é claro, pelas áreas que você se identifica, então pelas perspectivas financeiras e de carreira (seja como empregado ou empreendedor).

4 - Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje
Pode parecer um pouco polêmico sugerir que não devemos seguir este conselho, mas a verdade é que fazemos as coisas de uma forma melhor quando estamos mais dispostos. Assim, não adianta se matar de trabalhar, por exemplo, com horas extras e entregar algo ruim. Pesquisas apontam que trabalhadores com jornada de 8 horas diárias tem rendimento bem maior do que quem pega no batente por mais de 11 horas.

5 - Seja mais extrovertido
Quem já passou por processos seletivos de grande empresas sabe que entrevistas e dinâmicas de grupo podem representar um problema para quem é tímido ou não muito extrovertido. Mas a realidade é que pessoas introvertidas podem até mesmo serem líderes melhores, pois tem mais atenção e tendem a escutar e analisar melhor as ideias dos outros.

6 - Seja perseverante
Calma, não precisa perder a esperança no mundo. Não seguir este conselho significa apenas não fantasiar demais o próprio futuro e florear as expectativas. Isso pode causar enormes decepções, as quais são extremamente maléficas para nossa mente. Então, seja otimista com o pé no chão. Como diz o autor do livro: Pai rico, Pai Pobre: "Há uma enorme diferença entre ter medo de perder e não gostar de perder.".

É bom ver que o senso comum pode estar errado, aliás, em grande parte das vezes está. Há ideias que ecoam pela sociedade por várias gerações, mas são simplesmente mitos legitimados que atrapalham a vida de todo mundo e fazem as pessoas se sentirem mal por não alcançarem este status que, na verdade, é intangível. 


Prometo posts um pouco menores. Um ótimo 2013 para todos!
Referência: Revista Super Interessante nº 314 Jan/2013

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...